Apenas um Soldado...

segunda-feira, 8 de abril de 2013

CHAOS GROUP BUILD - Parte 02



Olá pessoal!

Vamos dar continuidade. Finalmente chegaram alguns itens que eu estava esperando para complementar alguns detalhes do trabalho, bem como algumas ferramentas.

Sem mais " arrudeios", vamos às fotos:




Procurei alguma forma de conseguir uma segunda gatling para o Gouf Custom. Não consegui e me deparei repentinamente com essa da Kotobukyia. Ela é enorme:




Faltam ainda algumas poucas peças para as duas, mas já dá pra imaginar como vai ficar enorme em um kit 1/144. Espero que o peso não seja problema.

Iniciei, como pode ser visto no post anterior, o processo de remoção das linhas de junção, as linhas de encaixe de peças que resultam em um aspecto feio para o kit, de mal encaixe ou até com mais cara de brinquedo. Para essas peças, primeiramente colei as que achei que necessitavam desta etapa e posteriormente dei uma mão com spray branco para realçar as peças e as possíveis falhas que ainda ficaram ou precisam ser corrigidas.


Neste conjunto de imagens pode-se perceber: na imagem do ombro (superior esquerda) a linha de junção central quase desapareceu por completo, mas ainda há pequenos resquícios. Na imagem superior direita as linhas também apresentaram um resultado satisfatório. Infelizmente precisa de algum grau de correção na linha intermediária que faz parte dos detalhes do próprio kit, mas essa aí eu tenho como corrigir facilmente. Na imagem 3 (inferior esquerda) o processo de colagem e lixamento também ficou quase perfeito, exceto pelo extravasamento de cola naquela parte superior e também dá pra perceber em quase todas as peças o detalhe do local da Ponte* do sprue. Na imagem 4, inferior direita, dá pra perceber que as linhas não foram completamente cobertas e precisam ser corrigidas.

*Ponte: é a ligação entre a peça e o sprue/grade.


Novamente. Na imagem 1 as linhas quase desapareceram por completo; Na imagem 2, a mesma coisa, mas ainda dá pra ver aluma linha; Na imagem 3, o resultado foi muito bom e linha ficou quase que perfeita; assim como na imagem 4, precisando finalizar o ombro com um pouco de massa para cobrir as imperfeições deixadas pelas pontes.


Mais uma linha que ficou excelente, ou melhor, desapareceu de forma excelente.


Vamos para o torso: Pra começar, quando usei o branco para realçar os detalhes, coloquei em um local indevido e um acidente ocorreu partindo a peça de encaixe do braço esquerdo. Esse é um mal dos kits antigos: esse eixo faz parte do bloco todo. Nesse caso as linhas não sumiram e precisam ser corrigidas, tanto nos lados como na parte superior. Eita peça chata...

Infelizmente não pensei antes de montar o torso. Deveria ter deixado essa parte inferior separada, tanto para pintura quanto para qualquer outra coisa. Infelizmente o encaixe dificultaria posteriormente, mas há algumas técnicas que ajudariam com isso. Depois posto um tutorial sobre o caso.


Mesma coisa nessa arma. O resultado ficou bom, mas ainda necessitando de alguma correção.


Já na bazuca ficou ruim. Precisarei de mais trabalho e dedicação nessa peça.

À partir desse momento, irei trabalhar cada kit individualmente, começando pelo Dom Troopen.

Vamos aos upgrades:


Ganhei como presente de natal uma Mini retífica de minha esposa e finalmente comecei a utilizá-la. Minha nossa... é sensacional! Pra quem sempre sofreu serrando, cortando, furando ou seja mais o que for, isso foi uma verdadeira mão na roda! Muito rápido e prático. 

Nessa peça fiz esses furos nos locais já indicados do próprio kit e usei esse "alargador" para dar este efeito de profundidade. Ainda não sei o nome das ferramentas...


Tenho planos para a bazuca. Inicialmente usei a serra para dividí-la da maneira que causasse menos dano. É bem difícil sem ter como fixar a peça. Peça serrada, usarei essa bazuca do zaku II para unir a bazuca do Dom e tentar deixá-la alinhada. Vou tentar pelo menos...

O Zaku I Sniper veio com duas mochilas, uma da versão anterior e outra da versão nova de Yonem kirks, mudando só um detalhe de encaixe de peça. Usarei-a para meus planos macabros com o Dom tropen e o projeto em si.

Tentei dar uma limpada nessa mochila, fazendo algumas adaptações que achei necessárias: 


De um lado coloquei a respectiva bazuca, devidamente estendida mas ainda com os acabamentos a serem feitos, e do outro lado, coloquei os tubos de propelentes que vieram como brinde de natal da amiami. Meu propósito para ele é usá-lo como tanque de energia. Posteriormente explicarei isto, ou melhor, mostrarei. Ainda precisa de correção também das linhas.


Usarei um pouco de epoxy putty para resolver alguns problemas posteriores. Por sinal esse "chicletinho" já faz algum tempo que está por aqui, mas continua em boas condições de uso.


Desses 4 anéis que fixam os Fausts, apenas dois vieram com os pinos de encaixe em formato circular. Dos outros dois que vieram em formato retangular, precisei cortar até que fosse possível que também se encaixassem da mesma forma...


...nesses novos encaixes. Mais uma vez, agradeço à mini retífica pela facilidade. Antes, gastava uns 3 a 5 minutos em cada furo e para ajustá-lo ao tamanho ideal, além dos calos nas mãos. Agora gasto entre 5 a 20 segundos para terminar tudo, e sem calos. Obrigado amor!


Voltamos para a adaptação do backpack, com o uso da epoxy putty para fixar e prender os pinas de encaixe para que não se movam.

Adentrando em uma nova fase, iniciei o processo de panel lines, ou linhas de painel ou seja lá como gostem de chamar. Para isto, usarei a ferramenta BMC Tagane Width 0.4mm, sugestão de um companheiro do fórum The Mecha Lounge.


Apanhei um pouco para entender como se usa, dei meu sangue (literalmente, pois me furei com a bendita ferramenta...) mas acredito que estou chegando lá.


Nessa peça, fiz lines na parte inferior em uma para comparar com a original. O que acharam do resultado?


Seguem outras peças com as lines feitas. Obviamente ocorreram erros aqui e ali, e posteriores correções, lixadas e massa putty serão necessárias. Mas o trabalho está se otimizando. Ah, colei o pino do torso com super bonder e espero que segure. Se não o fizer, arranco o do outro lado também e invento alguma maluquice...

Ufa... foi um bocado de coisa. 

Por enquanto é isso. Espero o comentário de vocês.