Apenas um Soldado...

quinta-feira, 2 de julho de 2015

RGM 79C Super Powered (HGUC) - Parte 05


Resolvi batizar meu GM como Super (S) Powered, já que estou fazendo uma customização da versão powered...

Como ainda não havia apresentado o novo kit em si, vamos brevemente ao mesmo:



Acho muito bacana essas caixas que vem com desenhos no verso. Dá uma ideia de que o kit é mais especial:




Manual e decal. Interessante novamente comentar que a versão powered foi lançada antes da versão simples. Sendo que na versão simples (azul e creme) que foi lançada tempos depois, eles melhoraram alguns pequenos detalhes, como os pinos de encaixe entre torso e braços, dando maior altura (discreta), bem como vem com uma grade extra só de mãos. A versão powered tem apenas 3 mãos... Triste...


A versão simples com com uma cartela com alguns símbolos a mais...


E tome peças!










Montagem rápida e prazerosa!




Esse torso avantajado dá mesmo uma ideia de mais poder, bem como as pernas mais "bombadas":







E vamos a algumas comparações:


Joelho, panturrilha e proteção do pé.



Do quadril adicionou-se as placas quadradas na frente e atrás, além de uma peça central adicional na parte dianteira:


Interessante que o mecha não é apenas laranja, que já é belíssimo, mas também é bem branco! Isso realça bastante o esquema de cores:



A backpack é bem avantajada, mas acharia melhor se fossem 4 thrusters...



Quanto ao torso, há diferença nos exaustores dianteiros e o adicional de novas entradas mais próximas ao pescoço:


E foto mostrando o encaixe entre torso e mochila:


Agora sim! Com o kit devidamente em mãos, hora de trocar as peças que serão utilizadas e começar os trabalhos.

Como usarei as pernas do powered, vamos a elas. Minha intenção é alongar mais o mecha, então comecei por serrar também as canelas, assim como fiz com as coxas:


Quem diria... achei a bendita da araldite!


Adicionando a peça dianteira que veio no powered à minha versão:


Interessante que essa peça de encaixe é diferente nas duas versões, como pode ser observado pela silhueta da peça creme. A branca é mais longa... Nada que cola e massa não resolvam...


Adicionando um thruster no quadril.

após feitas algumas lines nos braços e estudado um pouquinho do que fazer, hora de colocar em prática. Adicionei algumas peças no braço direito:






A proposta é dar um pouquinho mais de volume à ele e um beam saber mais curto.

Já no braço esquerdo adaptarei o escudo:

  
Voltando às pernas, agora encontram-se devidamente coladas:



Necessários ajustes e correções serão feitos posteriormente.



O mecha já está um pouco mais alto, mesmo que discretamente. O que é suficiente para mudar um pouco os "ares" do mesmo:



Nas placas laterias do quadril, adicionei mais thrusters e fechei a parte traseira de ambos com uma folha fina de pla plate.

Já no braço esquerdo, fiz uma adaptação para que o pino que prende o escudo alcance o policap interno do braço. Mais furos e cola...


Pra mim, essa é a parte mais delicada e complicada desse trabalho: o sistema de luz.

Felizmente, uma das vantagens que essa mini lâmpada que comprei é que o sistema já é fechado e pequeno, então facilita a implantação no kit. Já usei o sistema da HIQ parts em outro trabalho, o Diorama do White Devil, mas é um sistema mais longo e por ter usado um Real Grade no trabalho, não consegui adaptar devidamente na época e um fio ficou meio solto no ar...

Esse sistema também veio com 3 pilhas, e decidi usar todas. Vamos à adaptação?

Quem disse que GM nã o tem GN Drive?:






Após remover quase tudo que existe no interior do torso para caber o "Gn drive", aparentemente ficou bem posicionado quando conectada a mochila:


Mas não gostei desse espaço vazio na parte superior...




Após diversas gambiarras e adaptações...



E é isso por hoje...

Sim, vou terminar sem mostrar o resultado e deixar isso para o próximo post!

Abraço à todos e Sieg GM!